29 de dez de 2012

lilo


Lilo: Mas se você quiser ir, você quem sabe.
 Vou te guardar no coração, assim como todos que já foram embora.

valeu ;))

19 de dez de 2012

Post Inútil




A história é a seguinte:
O cara foi um fora da lei americano que, com apenas 21 anos, já tinha matado mais de 20 pessoas e era vorazmente procurado pelas autoridades americanas. Só parou de matar quando foi morto.
Eu tava pensando, se deixasse o "Billy the Kid" na periferia de São Paulo, hoje em dia, ele não durava nem meia hora.

Valeu ;))

18 de dez de 2012

Liberação da maconha

Bom, esse assunto é um dos assuntos mais discutidos nos últimos 5 anos. Fato.
Milhares de pessoas são a favor e outras milhares são contra, eu particularmente sou extremamente contra.
Porque? Simples. Se liberarmos a maconha, terão usuários que também são usuários de outras drogas mais pesadas que irão questionar porque não liberá-las também. É esse o meu ponto de vista, A maconha é porta de entrada para a liberação das outras drogas. Não adianta vir até a minha pessoa e falar "ah, mas eu sei discernir sobre ela e as outras e eu não vou usá-las, só quero fumar minha maconha em paz". Errado. Aprecio seu modo de ver as coisas mas nem todas as pessoas tem esse discernimento. A maconha, sabe-se que ela "queima neurônios", "distorce a realidade", aumenta a frequência cardíaca, altera a memória recente, aumenta o apetite - especialmente por doces (em troca de secura na boca e garganta), diminui defesas (facilitando infecções), dor de garganta e tosse crônica, riscos de câncer no pulmão, riscos de isquemia cardíaca, entre outros.
Bob Marley, usuário e defensor da maconha. morreu aos 36 anos de câncer. 
Nos séculos passados, a maconha era usada, na China, como anestésico, analgésico, antidepressivo, antibiótico e sedativo. A erva foi citada na primeira farmacopeia (livro que reunia fórmulas e receitas de medicamentos) conhecida no mundo, cerca de 2 mil anos atrás, recomendando o seu uso para prisão de ventre, malária, reumatismo e dores menstruais. No século XIX, alguns povos começaram a utilizá-la no tratamento da gonorreia e angina.

Atualmente, muitos acreditam que os efeitos negativos da maconha superam os seus efeitos positivos, mas muitos efeitos nocivos da maconha permanecem inconclusivos. Por essa razão, algumas pessoas pedem para que ela seja legalizada a fim de ser utilizada como medicamento no tratamento de algumas doenças, como câncer e AIDS (combate as náuseas e estimula o apetite), glaucoma (alivia a pressão ocular), epilepsia (evita as convulsões) e esclerose múltipla (diminui espasmos musculares).
Em alguns estados norte-americanos, o uso medicinal da maconha já foi legalizado.
Bom. É isso. Não vou dizer que a maconha é 100% ruim (nunca usei e nunca vou usar (: ), mas tem um bando de antas que fumam só para ter a sensação "engraçada" que a maconha traz. Se é assim, deita e dorme, sonhe com pôneis e seja feliz. A maconha traz alucinações, imagine no dia-a-dia como não seria? Carros batendo e sei lá o que mais? 

-"Ah, Fernanda você está tratando os usuários de maconha como burros e débil mentais." 
Não. Eu tô falando a verdade. Tem intelectuais usando maconha? Tem. Tem médicos, professores e advogados que usam? Tem. Mas TODOS não pensam no efeito ruim que isso causa.  Pensam? Não. Se pensassem iriam ver que há mais malefícios que benefícios nisso.

 -"Ah Fernanda, então você é preconceituosa com as pessoas que usam?!"  
Não. Eu tenho amigos que usam e eu sei de relatos deles mesmos de um que quase matou a mãe pensado que ela era uma minhoca mutante alienígena. Quer usar? Use, agora por a vida das pessoas em perigo... É foda.

- "Ah mas esse é um caso em milhões". 
Óbvio que eu não vou generalizar assim, porém, imaginem os abusos sexuais que ocorrerão pela incapacidade de defesa da pessoa "dopada". Furtos, esquemas sei lá. 

-"Fernanda você tá viajando"
 Não. Não estou eu simplesmente estou raciocinando. Usando a cachola  para avaliar os riscos.Se você não quer aceitar os riscos e possibilidades aí quem tá "viajando", meu amigo, não sou eu.(:

Bom, agora que eu fiz os fumantes quererem minha cabeça (COM FATOS VERÍDICOS) vou indo.

Beijos,


Valeu ;))






16 de dez de 2012

14 de dez de 2012

~Le Mágico


Eu nunca acreditei em mágicos. Pra mim não são mágicos, sim ilusionistas. Mas esse aí...

Deixo o julgamento final com vocês

Valeu ;))

Shep




“Este é Shep de 19 anos, sendo aconchegado nos braços de seu pai no início desta semana no Lago Superior. Shep adormece todas as noites, quando ele é transportado para dentro do lago. Ele está com artrose o que causa uma dor crônica e a dor é amenizada quando John o carrega nos braços desta forma, na água. O Lago Superior está mais quente neste verão, o que torna a temperatura de suas águas perfeita.

Eu fiquei tão feliz em poder guardar este momento para John. Aliás, John salvou Shep ainda filhote com somente 8 meses de idade, e ele tem sido sua companhia, ao seu lado, em muitas aventuras, desde então. [Agora John retribui de forma maravilhosa ao seu grande amigo, já idoso e doente!] [pronuncia-se “Shep”, no entanto, a escrita adotada por John Unger é “Schoep”].”

Texto traduzido do mural do facebook da fotógrafa Hannah Stonehouse Hudson [que em português virou “BELA FOTO, BELA HISTÓRIA!]”.

Em tempos em que a maioria das imagens e ideias repassadas nas redes sociais é descartável e a grande mídia se empenha em retratar a exaustão crimes, tragédias e a degradação humana e ambiental, uma imagem de compaixão de um homem por um animal é vista e compartilhada por milhares de pessoas, e quem sabe, um dia, se tornará uma história ainda mais conhecida.

Mas qual é a história por trás da imagem?

Vinte anos atrás, um homem e sua noiva resgatam um cão bebê. O cachorrinho foi maltratado pelos antigos donos e agora não confia nos homens. O homem, John Unger, já teve várias crises de depressão e sabe bem o que significa não confiar mais na humanidade.

Ele se esforça para conquistar a confiança do bebê canino nas primeiras noites e muitas noites depois, ficando acordado até o pequeno dormir. John conta que às vezes ficava de quatro “para que Schoep me visse como outro cachorro, e não como um homem que tentaria machucá-lo de novo”.

Aos poucos o amor entre as duas espécies se fortalece. Ao mesmo tempo, o amor entre o homem e a mulher esvanece. John e sua noiva rompem e Shep fica sendo o único companheiro do homem. Algum tempo depois da separação, John cai em sua mais profunda crise de depressão.

Quando os cães falam a língua da compaixão
Arquivo pessoal John Unger
Com o coração cansado, John Unger não tem mais vontade nem de levar Schoep para seus passeios noturnos. Numa dessas noites sombrias, ele decide ir com o cão até o Lago Michigan, disposto a cometer suicídio: “Eu fiquei uma hora olhando para o lago, pensando na vida e cheguei a um ponto em que pensei: ‘ok, agora é a hora’. E olhei para baixo para o Schoep e eu não sei o que era... ele me olhou como nunca tinha me olhado antes. Eu penso nisso agora e sei que ele sabia que algo estava errado.”.

Talvez o homem tenha pensado: o amor não acabou! Ainda existe um ser que me ama incondicionalmente. Por causa das crises, John não conseguia manter-se num emprego ou sequer sair de casa, muitas vezes a comida era rala e os passeios, poucos. Mas nada disso importava para Shep, seu amigo estava sempre ao seu lado, demonstrando companheirismo e afeto.

Mas John estava prestes a abandonar o seu amigo. Se ele se fosse, será que Schoep iria sobreviver? Será que o cão nunca mais iria confiar em outro ser humano? John talvez tenha se lembrado do tempo da compaixão que teve por seu amigo, quando este ainda era filhote e indefeso. Talvez tenha pensado que ao envelhecer o seu parceiro de vida voltaria a ficar indefeso. Precisaria dele de novo.

Em frente ao lago, naquele momento, só com o olhar, era como se o cachorrinho demonstrasse o tanto que um amava o outro. O tanto que um amaria e precisaria do outro, até que a morte os separasse – mas não tão cedo. Os dois não se despediriam ainda...

O pequeno amigo canino trouxe John Unger de volta à vida! Eles andaram a noite toda e viram o sol nascer. No dia seguinte, John agradeceu ao cão por ter salvado a sua vida.

Retribuição

Muitos anos depois, o cão se entrega e deixa o seu corpo e a sua vida nos braços humanos amorosos e espera que os atos de companheirismo e compaixão tornem a dor da partida a menor possível.

John Unger não só resgatou a confiança do seu amigo de quatro patas no homem. Com a divulgação do seu momento de ternura captado pela sua amiga Hannah, John resgata a confiança das pessoas na humanidade.

Nos 32 mil comentários que a foto recebeu até agora há relatos de pessoas que se emocionam ao lembrar-se de cães, gatos, pássaros e tantos outros bichos de estimação queridos, e tantas outras pessoas, pais, mães, filhos, filhas e amores que foram amados durante toda a vida e amados até os últimos momentos, e sempre que possível, confortados para enfrentar a derradeira fronteira da vida.

Que Shep leve com ele todo o amor de John. Que carreguemos conosco todo o amor que nós, homens e mulheres, enquanto estivermos vivos, podemos dar a outros seres vivos.


Valeu ;))

13 de dez de 2012

Espelho, Espelho meu


“Espelho, espelho meu, existe alguém mais belo do que eu?” Se você conhece essa fala dos contos de fada e já tentou fazer essa brincadeira diante de um espelho, saiba que em breve existem grandes possibilidades de você receber uma resposta.

Cientistas do Laboratório de Pesquisa e Desenvolvimento do jornal The New York Times anunciaram a criação de um espelho cada de exibir notícias e vídeos, além de reagir às ordens de quem está diante dele. Isso é possível graças a utilização de um Kinect na parte de trás.

O espelho é na verdade a tela de um monitor, recoberto com uma camada fina de vidro antirreflexivo. A partir do dispositivo é possível fazer compras online, deixar recados para outros moradores e ter as suas roupas avaliadas pelo software. Segundo Brian House, um dos desenvolvedores da ideia, a novidade poderá um dia substituir por completo os espelhos da casa.


O produto ainda está em fase experimental e requer mais estudos para ser aperfeiçoado. Entretanto, a descoberta da possibilidade pode ser um estimulo para que ideias conceituais como as da Corning, mostradas no vídeo “A Day Made of Glass”, estão cada vez mais próxima de se tornar realidade

Valeu ;))

12 de dez de 2012

Jair Bolsonaro


"Mais uma vez envolvido em polêmicas por suas frases consideradas racistas e homofóbicas, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) afirmou que está “se lixando” para o movimento gay e voltou a dizer que não quis ofender a cantora e apresentadora Preta Gil.
“Estou me lixando para esse pessoal aí [do movimento gay]. Eles criaram agora a Frente Parlamentar de Combate à Homofobia, a frente gay. O que esse pessoal tem a oferecer para a sociedade? Casamento gay? Adoção de filhos? Dizer para vocês que são jovens que, no dia em que vocês tiverem um filho, se for gay, é legal e vai ser o ‘uhuhu’ da família? Esse pessoal não tem nada a oferecer”, declarou ao chegar ao velório do ex-vice-presidente da República, José Alencar, no Palácio do Planalto, em Brasília.
Bolsonaro afirmou não temer a representação encaminhada ontem pela OAB-RJ (Ordem dos Advogados do Brasil - seção do Rio de Janeiro), à Corregedoria-Geral da Câmara dos Deputados, para que seja aberto processo contra ele por quebra de decoro parlamentar nas declarações que fez em relação à população negra e aos homossexuais no programa CQC de TV Bandeirantes." 
Gente, como esse cara aí, ainda não foi cassado, preso, morto, seilá?!
Esse cara a escória da escória da raça humana. Esse infeliz tem que pagar pecado por pecado. E para "melhorar", ele ainda ganha um AVAL do legislativo. Presta bem atenção. Um preconceituoso, maldito, homofóbico, nojento desses tem que ganhar AVAL?! o brasil tá no pó da rabiola mesmo. (é brasil com "b" minúsculo porque eu não tenho a menor dignidade ou o orgulho em estar aqui nessa porcaria desse país).
Valeu ;))

Punk


Movimento Punk No Mundo

Em meados da década de 70 o mundo se encontrava no auge da guerra fria, e uma Europa de pós-guerra, em constantes transformações sociais, se encontrava propicia para a formação de movimentos de transformações sociais, e foi lá, na Inglaterra, que surgiu um dos movimentos mais importantes deste século: O movimento Punk. Jovens, marginalizados pela sociedade, pobres e desempregados, começam a chocar a sociedade pelo seu modo agressivo de ser, de se vestir, e de agir. Tudo é contestação para os Punks, eles defendiam o Anarquismo e a liberdade individual, e manifestavam a sua rebeldia contra a hipocrisia, os privilégios, a sociedade conformista, as desigualdades sociais etc...

PUNK
Uma pessoa inteligente, que sempre viveu numa família rica não é capaz de sentir realmente uma situação que não seja a sua realidade. Nunca saberá realmente o que é sentir o desespero de estar num ambiente beirando o crime, a fome, o desemprego, a falta de perspectiva, uma fila de hospital, ou não ter mais nada a não ser o básico para permanecer vivo.
Sob este prisma pode-se esquecer em algum lugar imaginário e fora de alcance a educação, para preferir a sobrevivência. Assim, as crianças perdem rapidamente a inocência e o que predomina pode ser a revolta ou a alienação. A alienação povoa a maioria.

Uma idéia básica do que é a revolta com a pobreza não basta, o mínimo de compreensão é obtido da própria experiência. Como enfrentar esta situação e o que podemos aprender dela, tentar manter a solidariedade com as outras pessoas é o que o bom senso manda. Isto pode marcar profundamente o caráter de uma pessoa, sua visão do mundo.

Queiramos ou não, punk é um rótulo, que pode ser aceito com orgulho pelo próprio ou dito com o maior escárnio, arrogância e menosprezo por alguns que não vêem realmente a realidade que levou a este tipo de atitude.

Este é normalmente o perfil do punk, um revoltado. Sim, punk é uma atitude de revolta, um perfil, que somente pode ser entendido e muito mais do que isso, sentido pelo cara suburbano que viveu com a miséria e a desesperança bem perto! É a agressão, como forma de autodefesa contra a malícia das pessoas.

Acima de tudo, o punk se formou assim, e foi rotulado por se identificar ou ter algo em comum com o pequeno grupo, mais uma das minorias discriminadas!

UM perfil, não O perfil: A contestação do que é imposto e tido como normal e legal! Nunca calar, sempre retrucar perante a desigualdade! Abaixo o racismo, fascismo, nazismo! Em idéias, em atos, em música, no cabelo, brincos, no visual! Roupas diferentes e muitas vezes velhas. O agredir a estética imposta!

A música punk, é uma de suas maiores expressões. Sobre a arte, li uma vez:

"Não existe, de resto, invenção artística importante sem rebeldia, sem ruptura com normas acadêmicas ou simplesmente vigentes, sem indisciplina teórica e sem a irreverência necessária ao sepultamento dos mestres. Contraditória figura, o mestre ensina, ilumina e mata. Depois de um certo caminho percorrido, o condutor deve desaparecer para que o conduzido reinvente o mundo. O presente e o futuro da arte alimentam-se da violência em relação ao passado. A cada dia, os criadores precisam assimilar e destruir o já feito. Antropofagia permanente."

Quem é o (a) Punk?

Você já se perguntou sobre a origem de certas "tribos urbanas" como por exemplo o grupo social dos punks? Quem são e o que querem os punks? Eles são uma gangue? Os punks são um movimento cultural e ideológico que visa a transformação na sociedade que busca justiça através de sua contra - cultura que nega todo o lixo cultural que é imposto pela burguesia.

Os punks não são uma gangue, muito pelo contrário, os punks são uma irmandade, eles pregam a paz e a solidariedade entre os seres humanos e até os outros animais. (Pois os punks preservam a natureza).

Mas e porque se vestem de maneira diferente? É uma moda? Não, nada do punk é uma moda, e sim um "modo" de vida. Esse grupo apresenta um conjunto de valores e de idéias que, normalmente, se contrapõe à ideologia (?) vigente. Um jovem ao raspar parte do cabelo (moicano) ou pintá-lo de verde ou qualquer outra cor que seja diferente, deseja de alguma forma chocar e agredir os valores sociais que julga conservadores, ou melhor, "primitivos". É uma forma particular e ao mesmo tempo grupal de protestos.

O visual punk (que você deve pensar que é ridículo) é a negação do consumismo e todos os padrões estéticos vigentes, apesar de representar também o caos em que vivemos. A sua simplicidade é uma forma de protesto contra a classe dominante.

Mas apesar de ser o visual uma grande forma que contribui, o punk não se identifica apenas pelo visual e sim por sua postura ideológica e principalmente "suas atitudes".

Grande parte são jovens que em sua maioria começaram a sua revolta dentro de casa por causa do autoritarismo de seus pais, eles sofrem a tradicional repressão familiar (devido é lógico a situação de miséria), mas tarde se tornam rebeldes com causa, é como disse o filósofo Leon Tolstoi: "Primeiro mude a si próprio para depois querer mudar o mundo". (significa dizer que a revolução primeiramente deve ser psicológica, que dá-se dentro do próprio indivíduo para depois pensar na revolução social). Mas o punk não vive só de negar o sistema, eles apontam uma opção de luta por uma vida livre.

O punk tem mil motivos para se revoltar, por isso revida sem limites.

O punk se opõe e odeia todo tipo de poder ou autoritarismo, tudo que oprime a liberdade de se expressar ou de pensar do ser humano, por isso eles dedicam a sua vida na luta por uma nova sociedade livre de qualquer preconceito, exploração. E essa sociedade é claro que só pode ser a plenitude de uma sociedade anarquista.
O punk é anarquista por essência, é libertário por convicção e não por conveniência, por isso ele anarquiza o cotidiano e cotidianiza o anarquismo. Estão todos juntos por uma mesma causa, mas cada um é anarquista da sua forma, do seu jeito, por isso cada um tem seus métodos, na maioria das vezes a "ação direta", mas o que é mais importante é que se faça valer o seu lema "do it yourself" (faça você mesmo), por isso o punk além de altruísmo, significa também "responsabilidade".
Uma de suas formas de protesto, de diversão, e de principalmente, divulgar a sua ideologia, é através também da música, "O Hardcore", um som simples e direto, que abordam letras coerentes com temas políticos, envolvendo a "realidade incógnita", é um som incomercializável, a palavra "fama" é estranha à essência do hardcore, pois não tem afinidade alguma em produzir lucro. "A dança", é o pôgo a qual expelem sua angústia, o seu sentimento, de emoção e repúdio.

Pois ele ama o seu ódio e o amor, a coragem e o ódio juntos são mais fortes do que a hipocrisia e a ganância, mas o seu coração é muito forte e por isso resistiu até o fim, pois ele faz acontecer! 


Valeu ;))

Zero no Tsukaima

Louise

Louise é péssima em magia e nunca consegue usá-la da maneira que quer. Seus colegas de classe a apelidaram de "Zero Louise", por causa de sua inabilidade de usar qualquer um dos quatro elementos mágicos comuns. O poder de um mago é determinado pelo número de elementos que ele consegue usar, indo desde um único elemento (mago "ponto") até quatro elementos (mago "quadrado"). No começo do ano, os estudantes do segundo ano invocam seus espíritos familiares; isto é considerado um ritual especial onde um mago invoca seu servo protetor eterno, que geralmente é algum tipo de animal ou criatura mágica. Louise consegueu invocar um humano plebeu chamado Hiraga Saito, o que a deixa totalmente humilhada. Como o ritual é sagrado, Louise não tem escolha senão relutantemente aceitar Saito como seu Familiar (espírito). Ela começa a tratar Saito como qualquer outro familiar, ou ainda pior, fazendo-o dormir no chão e batendo-lhe com um chicote por pouca ou nenhuma razão, entre outras coisas.
Saito
"Zero no Tsukaima" acompanha as aventuras dos protagonistas Louise e seu "animal de estimação quase namorado Saito". Louise é uma estudante do segundo ano na Academia de Magia de Tristain. Neste mundo, os que podem usar magia são magos ou nobres.

Um dia, Saito desafia um nobre que desrespeita plebeus (Guiche) para um duelo. Saito perde de início, mas assim que uma espada cai nas mãos de Saito, ele ganha misteriosos poderes com os quais ele consegue vencer o duelo. O relacionamento de Saito e Louise se desenvolve durante o curso da história. Juntos, eles enfrentam muitos mistérios e descobrem verdades inesperadas, incluindo a natureza do misterioso poder de Saito e a verdade por trás da incapacidade de Louise fazer magias.

kirche

Curiosidades

Zero no Tsukaima começou como uma série de Light Novels escritos por Noboru Yamaguchi e ilustrados por Eiji Usatsuka, com o título de Zero no Tsukaima. O primeiro volume foi publicado no Japão em 25 de julho de 2004, e relançados em 24 de julho de 2008. Os 14 volumes foram publicados pela editora Media Factory. Uma história paralela, chamada de Tabitha´s Adventure, foi lançada unicialmente como uma série para telefones celulares on-line, e depois publicada em dois volumes. Seven Seas Entertainment anunciou o licenciamento de direitos das Light Novels de Zero no Tsukaima.

A Magia no universo de Zero no Tsukaima é dividida em 5 elementos, que são chamadas de "Pontas". Ar, Água, Terra, Fogo e Vácuo. Essas "pontas" formam o "Pentagono da Magia", porém, a muitos anos uma das "pontas" se perdeu. Essa era a magia do Vácuo. Um mago é classificado de acordo com o número de caminhos, ou pontos que pode acumular para fazer um magia. Ele não recebe classificação quando consegue usar apenas um elemento, esse é o caso da maioria dos alunos, como Kirche que usa apenas o fogo, ou Guiche que usa apenas a terra. Nesse caso a única exceção era Louise, que não tinha sido capaz de fazer nenhuma magia corretamente, por isso era chamada de Zero.
Guiche
Valeu ;))

11 de dez de 2012

Assassin's Creed III


Para os plugados em games, a sequência de Assassin’s Creed chegou no Brasil. A 3º sequência da serie, maior produção da Ubisoft, chegou para as plataformas PlayStation 3 e Xbox 360, com o custo de R$ 179,00.
 O game já atingiu a marca de 3,5 milhões de exemplares vendidos em apenas uma semana, nos Estados Unidos e Europa.
O jogo começa com Desmond Miles no presente, depois dos eventos de Revelations, onde ele usa a nova versão 3.0 do Animus para se conectar a Connor, um dos seus ancestrais assassinos. A história ainda mostra grandes eventos da Revolução Americana.
E as novidades não terminam por aí, o game ainda traz um lançamento para PS Vita, o Assassin’s Creed 3: Liberation. Com uma personagem mulher, chamada Aveline, que terá que lutar pela liberdade de Nova Orleans no século XVIII.




Valeu ;))

10 de dez de 2012

Dungeons & Dragons


Dungeons & Dragons (abreviado como D&D ou DnD


Elfos: Personalidade
Mais serenos que impetuosos...
Exato, os elfos são mais serenos que impetuosos, tendo uma chance maior de ficar curiosos que ceder à cobiça. Com suas vidas longas, eles tendem a possuir uma visão ampla dos eventos, ficando distantes e indiferentes diante de causalidades sem importância. Porém, quando estão em busca de objetivo, seja uma missão aventureira ou o estudo de uma nova perícia ou arte, se mostram perseverantes e implacáveis. Eles demoram a fazer amigos e inimigos, mas demoram ainda mais para esquecê-los. Eles respondem a pequenos insultos com desdém e a grandes insultos com vingança.

- Humanos: Personalidade
Adaptáveis, flexíveis e ambiciosos...

Os humanos possuem gostos, moral, costumes e hábitos variados. São acusados de possuírem pouco respeito pela historia. Mas é natural que os humanos, com sua vida relativamente curta e culturas em constante alteração, tenham uma memória coletiva menor do que os anões, os elfos, os gnomos ou os halflings.

Meio-Elfos : Personalidade
Inventividade refinada...

A maioria dos meio-elfos possui a curiosidade, a inventividade e a ambição do seu lado humano, juntamente com os sentidos refinados, como o amor a natureza e os gostos artísticos de sua herança.
Anões: Personalidade
Desconfiados justiceiros vingativos...
Os anões demoram a sorrir, ou a brincar e suspeitam muito de estranhos, mas são generosos com os poucos que ganham sua confiança. Eles valorizam o ouro, as gemas, as jóias e os objetos de arte feitos com esses materiais preciosos e muitos já sucumbiram ao poder da ambição. Eles não combatem nem tímida, nem temerariamente, mas com coragem e tenacidade cuidadosas. Seu senso de justiça é forte, mas pode se transformar em uma sede de vingança. Entre os gnomos, que são conhecidos por se darem bem com os anões, é comum dizerem o seguinte juramento: “Se estou mentindo, que eu enraiveça um anão”

Meio- orcs: Personalidade
Brutos de prazeres simples...
O meio- orc tem um temperamento violento e taciturno, preferindo agir a pensar, e lutar a discutir. Os membros mais loucos porém nunca serão bem sucedidos como aqueles que possuem autocontrole suficiente para viver em terras civilizadas. Adoram prazeres simples como beber, comer, contar vantagem, cantar, lutar e tocar tambores. Ações mais refinadas como poesia, danças de salão e filosofia não os atrai.

Halflings: personalidade
Gulosos e encrenqueiros... 

Curiosos e encrenqueiros, os halflings preferem os problemas ao tédio, contando com sua habilidade para sobreviver e escapar do perigo. Eles demonstram uma coragem que poucas raças maiores podem superar.
Possuem um grande apetite tanto para a comida como para outros prazeres. Eles gostam de pratos bem preparados, bebidas finas, bom tabaco e roupas confortáveis. Embora possam ser atraídos por promessa de riqueza, eles costumam gastar todo o ouro que ganham ao invés de acumula-o.
Os halfings também são famosos colecionadores. Potes de chá, livros, flores, peles de bestas selvagens, às vezes até as próprias bestas, são alguns exemplos.

Gnomos : personalidade
Engenheiros e comediantes em igual habilidade...
Os gnomos adoram animais, belas pedras preciosas e piadas de todos os tipos. Têm um grande senso de humor e apesar de adorarem brincadeiras e jogos, amam os truques, e quanto mais complicados, ainda melhor!felizmente eles dedicam os mesmo empenho que põem em suas brincadeiras a outras coisas mais praticas como engenharia.
Os gnomos são curiosos e adoram descobrir coisas através da experiência própria, chegando muitas vezes a imprudência. Sua curiosidade os converte em engenheiros hábeis, pois estão sempre tentando novas maneiras de construir as coisas.



Se interessarem a vocês procurem saber mais ;)

Valeu ;))














Drogas


Intitulamos “droga” qualquer substância e/ou ingrediente utilizado em laboratórios, farmácias, tinturarias, etc.; um pequeno comprimido para aliviar uma dor de cabeça ou até mesmo uma inflamação, é uma droga. Contudo, o termo é comumente empregado a produtos alucinógenos ou qualquer outra substância tóxica que leva à dependência como o cigarro e o álcool, que por sua vez têm sido sinônimo de entorpecente.

As drogas psicoativas são substâncias naturais ou sintéticas que ao serem penetradas no organismo humano, independente da forma (ingerida, injetada, inalada ou absorvida pela pele), entram na corrente sanguínea e atingem o cérebro, alterando todo seu equilíbrio, podendo levar o usuário a reações agressivas.

O que leva uma pessoa a usar drogas?

Pesquisas recentes apontam que os principais motivos que levam um indivíduo a utilizar drogas são: curiosidade, influência de amigos (mais comum), vontade, desejo de fuga (principalmente de problemas familiares), coragem (para tomar uma atitude que sem o uso de tais substâncias não tomaria), dificuldade em enfrentar e/ou aguentar situações difíceis, hábito, dependência (comum), rituais, busca por sensações de prazer, tornar (-se) calmo, servir de estimulantes, facilidades de acesso e obtenção e etc.

Tipos de drogas presentes no Brasil:

>Cigarro
>Álcool
>Anfetaminas
>Ansiolítico
>Barbitúricos
>Benflogin
>Boa Noite Cinderela
>Cafeína
>Clorofórmio
>Cocaína
>Codeína
>Cogumelos
>Cola de Sapateiro
>Crack
>Droga Natural (Maconha ETC...)
>Ecstasy
>Heroína
>I-doser
>Lança-Perfume
>Lsd
>Merla
>Morfina
>Dopping
>Rebite (Bolinha)
>Skank

E ainda existe uma droga muito perigosa (MUITO MESMO) chamada CROCODILE. Porque esse nome?
Porque deixa a pele apodrecendo parecendo com um jacaré, depois ela cai. sim a pele CAI.


Essa nova droga tão ou mais devastadora que o oxi se espalha rapidamente pela Europa e principalmente Rússia. Trata-se do krokodil (em português, crocodilo), uma mistura do derivado de ópio, o fármaco codeína, e uma série produtos químicos: solvente de tinta, ácido clorídrico, iodo e fósforo vermelho. 
O tal coquetel ganhou esse nome porque a região em que a droga é injetada a pele ganha um tom esverdeado e com aparência de escama semelhante à de um crocodilo. Seus efeitos são semelhantes aos da heroína, mas o seu custo é 3 vezes inferior.
Depois de algum tempo de uso, os vasos sanguíneos se rompem, os tecidos cutâneos “morrem” e se soltam do corpo. A expectativa de vida para quem é usuário dessa nova droga é de 1 a 3 anos. Os que conseguem sobrevivem têm amputações e contraem doenças como meningite e pneumonia, além de problemas motores, de fala e de visão. 
Drogas são perigosas. Até mesmo as legais. Por isso existe a OVERDOSE. Tomem cuidado ao manipular remédio. (:

Valeu ;))



9 de dez de 2012

Ser garota dá trabalho

Sou a Única que acha que ser garota dá trabalho? Obvio que não.
T.P.M., cólicas, menstruação, salário menor (pode dizer que já houve revolução para isso mas se for comparar os salários verá que é menor mesmo!) e stress. Ô stress...
Tudo na vida tem que ser perfeito. Para uma garota sim. Tem que ter a medida perfeita de tudo, senão ficamos LOUCAS. Sabe, uma garota não pode estar revoltada porque senão "É REBELDE SEM CAUSA". Não pode ficar com vários homens senão "É PUTA". Não pode chorar senão "É DESCONTROLADA". Não pode gritar senão "É EXTREMISTA". Não pode dar uma surra em um filho da mãe que enche o saco senão "É AGRESSIVA". Não pode ter cabelo curto senão"É LÉSBICA". Não pode ter estilo senão "É MULHER MACHO". Não pode ser mãe solteira senão "É ABANDONADA/ENCALHADA/WHATEVER".


É pra matar ou pra morrer?! Hoje em dia TUDO é comentado até dizer chega. Além de tudo isso temos que ALTAMENTE FEMININAS senão o povo surta. Parece que tomam conta da nossa vida!! Que absurdo!! hoje em dia você não pode ser mais você mesma. A sociedade quer moldar um boneco PERFEITO de você. Se você não corresponder as expectativas você tem que ser jogada de canto ou até mesmo humilhada. Ser igual aos outros é tão estúpido e pessoas estúpidas não querem ser estúpidas sozinhas, querem levar o máximo de gente com elas. Tipo novela. Novela é uma coisa tão estranha. Tão fútil. Tão nojenta. E se você for mulher e não ver a porcaria da novela você é estranha, anti-social, desinformada e não tem um pingo de senso. Sociedade FOFOQUEIRA maldita que obriga as mulheres serem como ela quer:ARRUMA O QUE FAZER. Vão fazer protestos, vão prestar atenção no governo, nos políticos, no povo!! Vão cuidar das suas próprias vidas!! E nesse post eu só defendo as mulheres não é porque eu sou feminista extremista não. Mas é que eu realmente não sei como os homens se sente perante a isso tudo. Afinal, eu não sou um homem.


Valeu ;))



Os 10 melhores livros do ano

1) "Por Trás da Beleza Eterna: Vida, Morte e Esperança em um Submundo de Mumbai", de Katherine Boo


2) "Gone Girl", de Gillian Flynn

3) "The Fault in Our Stars", de John Green



4) "Billy Lynn’s Long Halftime Walk", de Ben Fountain

5) "The Passage of Power: The Years of Lyndon Johnson", de Robert A. Caro

6) "The Orphan Master’s Son", de Adam Johnson

7) "Tell the Wolves I’m Home", de Carol Rifka Brunt

8) "Wild: From Lost to Found on the Pacific Crest Trail", de Cheryl Strayed

9) "The Age of Miracles", de Karen Thompson Walker

10) "Private Empire: ExxonMobil and American Power", de Steve Coll

Viu? o Me, Myself & Feeh também é cultura U_U

Valeu ;))

Dia Zen - Bebês Dormindo

Olá! Hoje teremos o que eu chamo de Dia Zen, Será uma unica postagem aos domingos com fotos Fofas/que relaxem/Que faça feliz. Hoje serão de bebês. Deliciem-se.








Valeu ;))



3 sites para aprender língua estrangeira

Sem dúvida, nunca foi tão fácil aprender uma língua estrangeira. Além de cursos, vídeos, podcasts e textos para praticar qualquer idioma, a web oferece a possibilidade de interagir com pessoas de outros países, o que certamente torna o aprendizado mais interessante.

Livemocha combina cursos gratuitos e pagos com ingredientes de rede social. É um ótimo lugar para iniciar o aprendizado de uma língua estrangeira e para ampliar os conhecimentos. O usuário pode estudar sozinho, seguindo um dos cursos online. Pode trocar ideias com outras pessoas e praticar o idioma que está aprendendo.

Também pode  ajudar outros alunos corrigindo seus exercícios e dando dicas, ao mesmo tempo em que recebe ajuda dos demais. Brasileiros tendem a receber pedidos de ajuda de pessoas que aprendem português. Cabe à pessoa aceitar ou recusar os pedidos. Se ela aceitar, pode ganhar os chamados mochapoints, créditos que podem ser trocados por itens pagos no site.
O Livemocha combina cursos gratuitos e pagos

Criado por em campeão de torneios de memorização, o Memrise é dirigido a pessoas que já têm algum conhecimento de uma língua estrangeira e querem melhorar seu vocabulário. Ele não ensina gramática, mas pode ser um ótimo complemento a um curso presencial ou na web. Também é uma ferramenta eficaz para relembrar palavras aprendidas no passado e esquecidas por falta de uso.
Entre os idiomas mais populares nele estão inglês, espanhol, chinês, francês e alemão – mas a lista vai longe. Em qualquer caso, é necessário ter algum conhecimento de inglês, já que todas as instruções e dicas estão nessa língua. Basta escolher um idioma para ver os cursos disponíveis. Alguns abordam as palavras mais usadas enquanto outros têm temas específicos como negócios, ciências e gastronomia.
O site usa a metáfora de um jardim. Cada palavra nova é uma planta a mais nele. Se a pessoa fica um tempo sem praticar, as plantas começam a murchar e é preciso “regá-las”. O Memrise avisa, por e-mail, quando isso acontece, convidando a pessoa a voltar a treinar seu vocabulário. O usuário vai acumulando pontos à medida que pratica o idioma, e pode comparar seu desempenho com o de outras pessoas.
 Memrise não ensina gramática, mas é estimulante e eficaz para adquirir vocabulário

Para quem quer aprender alemão, a Deutsche Welle, emissora de TV e rádio estatal da Alemanha, oferece, em seu site, uma série de cursos gratuitos em todos os níveis. Para segui-los, é necessário conhecer um pouco de inglês. Embora os site esteja disponível em português, os cursos possuem explicações em inglês. As lições incluem exercícios escritos e falados e contam com abundante conteúdo multimídia. 
O site da Deutsche Welle oferece cursos de alemão gratuitos em todos os níveis

Eu sinceramente estudo inglês há quase 12 anos. (:
Eu quero aprender ainda Japonês, Francês e Italiano. 

Valeu ;))



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...